Quando ruíram as pseudoteses do “direito divino”…

Quando ruíram as pseudoteses do “direito divino”, a ampla participação no exercício do poder se pôs como fundamento da legitimidade deste. Por isto, também se entende por que não se admite, mais, que funcionem como fatores de EXCLUSÃO DE CONQUISTAS gênero, “raça”, religião, posição social e outros. Também por isto, ações e mesmo propostas de redução da democracia a um CLUBE PLUTOCRÁTICO merecem ser fortemente rechaçadas em nome de um horizonte comum que possa primeiro mitigar e com o tempo abolir a divisão e o antagonismo da sociedade de classes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.